search

Home  /  Blog  /  Artigos  /  NFe Produtor Rural, saiba qual software pode ajudar você

NFe Produtor Rural, saiba qual software pode ajudar você

Desde outubro do ano passado a Nota Fiscal Eletrônica (NFe) deixou de ser exclusividade das empresas, podendo ser também emitida por produtores rurais.

Foto de 'Redação' Por Redação

NFe Produtor Rural, saiba qual software pode ajudar você

Desde outubro do ano passado a Nota Fiscal Eletrônica (NFe) deixou de ser exclusividade das empresas, podendo ser também emitida por produtores rurais. O principal objetivo da mudança é substituir a Nota Fiscal Avulsa Eletrônica (NFAe) e a nota fiscal em bloco impresso.

Segundo o Ministério da Economia, a legislação de cada unidade federada dispõe sobre os procedimentos para que o produtor rural possa emitir NFe e em alguns estados ela já é obrigatória. Na Bahia, a Nota Fiscal Eletrônica para produtores rurais é obrigatória desde 30 de junho e no Mato Grosso a partir de 1º de julho deste ano. Os produtores rurais de Rondônia têm até 31 de dezembro de 2019 para começar a emissão da nota fiscal eletrônica, e a partir de 1º de janeiro de 2020 ela passa a ser obrigatória também para o estado do Rio Grande do Sul.

Os demais estados ainda não divulgaram seus cronogramas, mas é importante se preparar visto que a intenção do governo é que até 2020 a NFe seja obrigatória em todo o país.

Atento a todas as datas e particularidades de cada estado, o primeiro passo para emitir uma NFe Produtor Rural é adquirir um Certificado Digital. Com ele, a validade jurídica de suas notas estará assegurada e você poderá utilizar a sua assinatura digital.

O segundo passo é se certificar de que o seu software de gestão atende às exigências da legislação. É através do software que as nota fiscais serão feitas e transmitidas para o servidor da SEFAZ. Esta é uma parte muito importante do processo, e por isso a necessidade de contar com um software prático, seguro e com suporte técnico sempre disponível, pois se ocorrer o preenchimento indevido da nota fiscal, o SEFAZ irá rejeita-la; trazendo muitos transtornos para o seu negócio.

O CIGAM está preparado para te ajudar neste processo!

O CIGAM através do gerenciamento ponta a ponta da NFe, provê um grande controle integrado dos seus módulos, tornando a vida do produtor rural mais fácil e garantindo todos os tratamentos para o negócio, desde a entrada e saída de notas, efetuando todos os respectivos controles de movimentação de estoque, financeira, contábil e fiscal.

O gerenciador de NFe e a Pré Nota CIGAM facilitam o controle, a integridade e visualização das movimentações e garantem a qualidade da informação movimentada. Automaticamente, alimentam os demais módulos CIGAM, que executam tratamentos em tempo real, como por exemplo o Auditor Fiscal, que garante a elisão dos dados nas apurações e arquivos legais.

A terceira e última etapa é receber a autorização do SEFAZ. Cada estado possui um procedimento específico, que deverá ser feito no site da Administração Fazendária. Com o certificado digital adequado, o software de gestão com emissor de NFe Produtor Rural escolhido e o credenciamento realizado junto à SEFAZ, você estará pronto para começar a emitir suas notas.

Usamos cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao continuar navegando, você concorda com o uso dos cookies. Leia nossa política de privacidade para saber mais.

whatsapp Vendas por WhatsApp

Fale conosco no WhatsApp